Projeto Trator lança seu décimo registro: “Na Órbita do Medo”

Há doze anos na labuta, o Projeto Trator lançou seu décimo registro de músicas inéditas, o EP “Na Órbita do Medo”. Notória por suas músicas caóticas e fora do senso comum, com elementos de sludge, doom, stoner e punk, o novo EP lançado pela Abraxas Records está disponível nas principais plataformas de streaming.

Formada pelo guitarrista e vocalista, Paulo Uedo, e pelo baterista Thiago Padilha, o duo buscou gravar de maneira orgânica, com poucos overdubs. As quatro músicas doram gravadas no estúdio Bem Mair em 2017 pelo ex-Hierofofante Púrpura, Sérgio Egeda, e já eram conhecidas por quem pode vê-los em turnê na Argentina no ano passado. O som faz referência à bandas como Eyehategod e Electric Wizard. “Trouxemos as jams ao estúdio, além de ficar mais perto do punk, com influência de Amebix e Discharge”, afirma Padilha. O trabalho ainda conta com muita experimentação com loopings e delays. Para o vocalista Paulo Uedo “Experimentação tem que ter e fazer show igual todo dia é chato. Por isso desta vez usamos loopings e delays. Tentamos nos aproveitar ao máximo”.

A crítica social presente no disco “Fora Temer” de 2016 continua presente nas novas músicas. Desta vez ela vem mais direto, mas mantendo estética dadaísta do processo criativo lírico da dupla presente. “Não é clichê, mas é o que a gente vive no dia a dia. O Fora Temer é uma referência boa pra entender o que se reflete nesse EP. Nada melhora, tudo piora na realidade brasileira”, afirma Paulo.

A canção-título, “Na Órbita do Medo” ainda ganhou um lyric video feito pela própria dupla, com concepção gráfica de Padilha e animado por Paulo. Quando não estão tocando com o Projeto Trator, Paulo é finalizador de vídeo e Padilha é designer gráfico.



Designer, sociólogo de boteco, baixista de fim de semana, DJ ocasional, leitor ávido de Wikipédia e escritor de romances de gaveta. Manézinho de nascimento, criado em Porto Alegre e atualmente mora em São Paulo. Como todo bom crítico, já tocou em várias bandas que não deram em nada.


Underfloripa (2007-2019) Todos os Direitos Reservados. Site em Wordpress mantido por Sierra November. Feito com amor em Floripa e São Paulo.