Loomer – You Wouldn’t Anyway

A arte do encarte é bem expressiva, deixando o ouvinte intrigado com o que está por vir. A banda gaúcha Loomer surpreendeu muito com este álbum quase hipnotizante. Um rock alternativo que une guitarras podronas com vozes sussurrantes resultou numa mistura distinta. A obra começa com “Slow Dream” mostrando de…

You Wouldn’t Anyway (Midsummer Madness)

Midsummer Madness - 8.7

8.7

Loomer é sinal de rock inteligente e feito para quem gosta de música!

User Rating: Be the first one !
9

A arte do encarte é bem expressiva, deixando o ouvinte intrigado com o que está por vir. A banda gaúcha Loomer surpreendeu muito com este álbum quase hipnotizante. Um rock alternativo que une guitarras podronas com vozes sussurrantes resultou numa mistura distinta.

A obra começa com “Slow Dream” mostrando de cara qual é a principal característica da banda: som pesado com vozes suaves e sombrias; o punk também é bem presente no estilo do grupo. “Mammoth Butterfly” já puxa mais pro indie, enquanto “Jam” alcança o pop.

A partir de “Silent Noise” que, por mais que as guitarras estejam gritando, o tom melancólico fica evidente, a personalidade do quarteto realmente chama a atenção. Cada música tem um elemento que cativa quem escuta. “Snow Flake” vem com uma pegada mais punk pop e “Dark Star” mostra um excelente arranjo de vozes cheias de efeitos para dar mais sabor à música.

Seguimos então para a hipnotizante “Not So Wrong (For a While Longer)” com sua melodia descompromissada e voz sussurrante que prende completamente a minha atenção. E subimos ainda mais o nível do álbum com “PainKiller” e seus arranjos vocais muito bem pensados – uma música que gruda da cabeça.

“Road to Japan” me fez imergir na letra através do encarte bem criativo que também contém um belo desenho feito pelo baterista da banda e concluímos o álbum magistralmente com “Mushroom”, uma introdução espetacular, a soma do vocal feminino agudo e do masculino grave deu um charme a mais pra música.

Imperdível esse álbum para os amantes de rock alternativo, punk, indie e, como a banda mesmo afirma, shoegaze. Cada faixa tem seu brilho próprio, mas todas se encontram num mesmo propósito. Isso é que é um belo trabalho.

 



Criada por família musical e artística, vive nutrindo sua essência com arte. Desde os 7 anos, é inspirada por Beatles, Disney e The Sound of Music. Listomaníaca, sonhadora e fascinada por organização, decoração e estilo;acredita que um bom papo com companhias queridas e culinária italiana à mesa é uma boa receita pra alegria plena. Manezinha apaixonada pelo frio, atualmente mora em Curitiba.


Underfloripa (2007-2019) Todos os Direitos Reservados. Site em Wordpress mantido por Sierra November. Feito com amor em Floripa e São Paulo.