Fleetwood Mac confirma demissão de Lindsey Buckingham

A banda Fleetwood Mac divulgou as datas de sua extensa turnê de reunião pelos Estados Unidos. A turnê terá 52 shows, iniciando em outubro deste ano e irá até agosto do ano que vem. Participarão da turnê Mick Fleetwood, John McVie, Christine McVie e Stevie Nicks, membros da banda, além de Mike Campbell, guitarrista do The Heartbreakers, banda de apoio de Tom Petty, e Neil Finn, frontman da banda Crowded House, ambos substituindo o guitarrista e vocalista Lindsey Buckingham.

Em uma entrevista para a Rolling Stone, a banda falou a respeito da saída de Buckingham. “Deveríamos começar os ensaios em junho e ele [Buckingham] queria deixar para novembro de 2019”, disse a cantora Stevie Nicks. “Isso é muito tempo. Eu acabei de fazer 70 shows. Assim que eu termino uma coisa, eu me jogo direto em outra. Porquê deveríamos parar? Nós não queremos parar de tocar. Não teríamos nada mais a fazer. É isto que nós fazemos.”

O baterista Mick Fleetwood reconheceu que Buckingham não saiu por vontade própria: “Paravras como ‘demitido’ são referências ruins no que me diz respeito […], mas atingimos o impasse de bater num muro.” Fleetwood ainda disse que a banda não ficou feliz com a demissão de Buckingham, mas que a maioria ditou o que a banda precisava fazer para seguir em frente.



Designer, sociólogo de boteco, baixista de fim de semana, DJ ocasional, leitor ávido de Wikipédia e escritor de romances de gaveta. Manézinho de nascimento, criado em Porto Alegre e atualmente mora em São Paulo. Como todo bom crítico, já tocou em várias bandas que não deram em nada.


Underfloripa (2007-2019) Todos os Direitos Reservados. Site em Wordpress mantido por Sierra November. Feito com amor em Floripa e São Paulo.