Bruno de la Rosa – Vasta Cidade, Festa de Alguém

Bruno de la Rosa traz um novo gás pra música brasileira com seu álbum de estreia “Vasta Cidade, Festa de Alguém”. O jovem compositor,violonista e cantor, mostra um pouco do que aprendeu com seus mestres e impressiona com sua maturidade musical. No álbum predominam alguns estilos como: o samba nas…

Vasta Cidade, Festa de Alguém - Sony Music/Kuarup

Sony Music/Kuarup - 8.4

8.4

Bom cantor.Boas letras e a manha de escolher ótimas companhias!

User Rating: Be the first one !
8

Bruno de la Rosa traz um novo gás pra música brasileira com seu álbum de estreia “Vasta Cidade, Festa de Alguém”.

O jovem compositor,violonista e cantor, mostra um pouco do que aprendeu com seus mestres e impressiona com sua maturidade musical.

No álbum predominam alguns estilos como: o samba nas faixas “Conversando”, com sua letra clássica falando sobre uma mulher; “Quando o Samba chegar”, com um solo de flauta bem introspectivo,quase sofrido; e “Aquela do Bem”, com sua letra provocante e bem humorada.

Falando em letra, Bruno é também um bom letrista. Brinca com as palavras, fala sobre temas atuais com maestria como se pode ouvir em “O Processo” e “Quintal”, um dueto com a cantora mineira Leopoldina.

Outros duetos marcantes do álbum se encontram também em “A Estrada e o Violeiro” com o grande Renato Teixeira, onde um diálogo sublime se encontra entre o experiente Renato, fazendo a voz da “estrada” e o jovem Bruno como o “violeiro”, definitivamente uma das grandes faixas do álbum.

Outros estilos musicais que aparecem para enriquecer a obra são o maracatu em “O Processo”, o tempo em 5 por 4 em “Quintal”, a nostálgica “Novela da Voz”, com seu coro de mulheres e a instrumental “Ventana”, que é um primor de produção. Agora, o que falar do gênero canção desse álbum?

Edu Lobo, Tom Jobim e Chico Buarque estariam orgulhosos de “Esboço”, com sua bela melodia comtemplando uma mulher; “A Grande Senhora” e “Chão”, com um solo de clarineta para aquecer o coração.

E para fechar com chave de ouro, um dueto com ninguém menos que Toquinho em “Um Grito parado no Ar”.Produção musical de altíssimo nível, que deu um peso a mais ao álbum. Este que tem uma capa bela e simples e contém todas as letras das músicas para acompanhar.

Bruno de la Rosa é uma pedra preciosa que está no processo de lapidação. Seu brilho já pode ser visto e traz uma alegria esperançosa!



Criada por família musical e artística, vive nutrindo sua essência com arte. Desde os 7 anos, é inspirada por Beatles, Disney e The Sound of Music. Listomaníaca, sonhadora e fascinada por organização, decoração e estilo;acredita que um bom papo com companhias queridas e culinária italiana à mesa é uma boa receita pra alegria plena. Manezinha apaixonada pelo frio, atualmente mora em Curitiba.


Underfloripa (2007-2019) Todos os Direitos Reservados. Site em Wordpress mantido por Sierra November. Feito com amor em Floripa e São Paulo.